Carolina Uip em sua viagem para o Deserto do Atacama

15 novembro, 2019
Autor: Redação

Aos 33 anos sócia da Biouté, Carolina Uip Luz resolveu presentear os 40 anos de seu marido da melhor maneira possível, com uma viagem inesquecível para o Deserto do Atacama, no Chile. Foram dias incríveis, com muitas paisagens e belezas naturais.

Por aqui, Carolina compartilhou com a gente os detalhes dessa trip, e dicas únicas para quem está planejando fazer essa viagem. Confira na íntegra todos os detalhes!

TPO – O que te inspirou e te moveu na busca desse(s) destino(s)?

CAROLINA: Eu sempre gostei de destinos que tenham muitas coisas para serem feitas: passeios, atividades ou esportes. Não sou uma pessoa muito contemplativa. Assim, juntar isso, com as incríveis paisagens do deserto, e um super hotel com uma gastronomia maravilhosa, fez com que eu decidisse dar esta viagem de presente para meu marido pelos seus 40 anos.

TPO – O que você considera os três elementos principais que fazem uma viagem ser bem-sucedida ou um grande fracasso?

CAROLINA: Uma boa companhia, muitos passeios e um bom hotel.

TPO – O que não pode faltar nessa mala?

CAROLINA: Roupa de ginástica, um tênis ou bota para trekking e muitooo protetor solar, por que a radiação é altíssima (eu usei muita camiseta de ginástica de manga comprida também por causa da radiação). Ah e um bom hidratante, pois o Atacama é o deserto mais árido do mundo.

TPO – Mala de rodinha ou mochilão? Quantas bagagens levou para essa trip?

CAROLINA: Rodinha sempre! Uma mala de 23kg é mais que o suficiente. É uma viagem que dá para levar o básico, sem muita invenção. Nada de salto e nem muita maquiagem.

TPO – Você fez a viagem acompanhado(a) ou preferiu fazer um voo solo?

CAROLINA: Como eu disse, foi uma viagem de presente de aniversário para o meu marido, então fomos nós dois.

 

TPO – Quais são algumas das coisas que você sempre leva com você em uma viagem? 

CAROLINA: Eu levo sempre uma carteira que organiza os passaportes. Para o Chile não era necessário, mas geralmente viajo com dois passaportes (o brasileiro e o italiano). Se contar meu marido e minhas filhas, muitas vezes são 8 passaportes para eu administrar. A carteira dos passaportes é divida em dois, um lado os passaportes italianos, do outro os brasileiros e com as iniciais de cada um.

TPO – Como você chegou lá?

CAROLINA: Primeiro um voo de GRU (Aeroporto de Guarulhos) para Santiago, uma conexão relativamente curta e depois um voo de Santiago para Calama. Chegando em Calama mais 1h30 de transfer até San Pedro do Atacama.


Seguros Promo

TPO – O que não dá pra perder?

CAROLINA: Passeio de Bike para a Garganta del Diablo e Subir no Vulcão Cerro Toco.

 

TPO – Onde e o que comer?

CAROLINA: Ficamos no hotel Tierra Atacama, a comida lá era maravilhosa, assim, todas nossas refeições foram feitas no hotel.

 

TPO – Onde se hospedou?

CAROLINA: No Tierra Atacama, é um hotel pequeno, estilo Boutique. Incrível! Adoramos tudo.

TPO – Em qual época do ano você escolheu ir para esse destino?

CAROLINA: Fomos em abril, pois não estava nem muito quente, nem muito frio.

 

TPO – Qual foi a pessoa mais interessante que você conheceu? 

CAROLINA: O guia de alpinismo que nos levou ao Cerro Toco. Ele havia nascido em Mariana – MG, pois o pai trabalhava com mineração. Depois disso passou a infância em Bagdá, pois o pai foi transferido para lá. Além de ter morado em lugares exóticos, ele sabia muito sobre o Atacama.

 

TPO – Quais foram os acontecimentos mais embaraçosos/estranhos/divertidos que aconteceram nesta viagem?

CAROLINA: Quando conhecemos o casal de Suíços que iria subir o vulcão conosco e eles estavam com: primeira pele, segunda pele, luvas e meias de Ski, faixa para as orelhas, gorro, calça impermeável. E eu estava de legging e meu marido de calça de moletom. Sim, quase congelamos…mas sobrevivemos.

 

TPO – Cereja do Bolo:

CAROLINA: Com certeza subir no vulcão. Primeiro pelo desafio. Como o cume fica à 5.600 metro do nível do mar, o ar é muito rarefeito. Assim, a caminhada precisa ser lenta e com muita concentração (quase uma meditação ativa). Foi uma experiência incrível.

Galeria de imagens de Carolina Uip no Deserto do Atacama:

Que viagem maravilhosa, amamos Carol!!!

E para conferir mais dicas dos nossos viajantes pelo Deserto do Atacam, é só clicar aqui!

Até a próxima aventura.

Tags: , ,
Newsletter Inscreva-se na newsletter e receba gratuitamente todas as novidades do blog!

• Faça um comentário deste assunto •

Posts Relacionados