Pin TPO Turismo de Aventura em Brotas: todas as dicas essenciais para conhecer!

27 novembro, 2018
Autor: Redação

Aqui no Tá Por Onde, já fizemos um post super bacana com algumas cidades para fazer um bate e volta de São Paulo. Pois bem, temos mais um destino incrível para acrescentar: Brotas, considerada a “Capital da Aventura” do estado. O lugar ideal para quem gosta de esportes radicais e muito contato com a natureza.

Para conhecer melhor e programar uma visita inesquecível até lá, não perca as nossas dicas e sugestões.

Brotas fica no centro do estado de São Paulo, a aproximadamente 245 km da capital, e é muito bem visto e procurado pelas suas grandes belezas naturais preservadas, já que está localizada em uma posição geográfica muito privilegiada chamada Cuesta – uma serra de origem basáltica.

São diversos cursos d’água que vão descendo a serra e formando cânions e cachoeiras que deságuam no Rio Jacaré Pepira, transformando-se em um destino de ecoturismo maravilhoso, principalmente para quem gosta de água, pois a maioria das atrações são hídricas, como represas, cachoeiras, nascentes, corredeiras e ribeirões. Sendo também um cenário muito importante para os amantes de esportes radicais.

Brotas, mesmo sendo uma cidade interiorana e tendo aproximadamente 25 mil habitantes, é um dos destinos mais turísticos do estado, e por isso, além de muito contato com a natureza, podemos desfrutar de uma ótima infraestrutura de hotéis, restaurantes e entretenimentos.

Então iremos selecionar para vocês as melhores sugestões da cidade, para não deixarem de conhecer ou visitar esse lugar tão incrível, fique de olho:

Passeios imperdíveis em Brotas:

Esportes radicais: Como falamos, Brotas é considerada a “Capital da Aventura”, sendo um dos melhores destinos do Brasil para a prática dos esportes, e por ser uma região repleta de nascentes, trilhas, cachoeiras e corredeiras, há uma infraestrutura muito grande para realizá-la. Sem contar nas outras atividades que não são hídricas, como mountain-bike, tirolesa e arvorismo por exemplo. Vale lembrar que o único jeito de praticar as atividades é contratando serviços de agências especializadas e credenciadas do receptivo local, que fornecem todo tipo de auxílio, segurança e equipamentos necessários.

Passeio de balão: Outra atividade surpreendente da cidade é fazer um passeio de balão e desfrutar a linda paisagem vista de cima dos pastos, rios, cachoeiras e as plantações de cana-de-açúcar. O balão decola a partir da Pousada Pé na Terra, que fica na zona rural, e o vento é quem comanda o resto do passeio. São 40 minutos, com uma altitude que pode chegar a mil metros. Há também uma opção mais romântica, com o balão exclusivo para casais. Vale lembrar que esse passeio só acontece uma vez por mês, portanto se informe antes através do site Eco Ação.

Areia que Canta: Uma nascente do Aquífero Guarani, localizada no Hotel Fazenda Areia que Canta, nada mais é do que uma lagoa com águas cristalinas, em meio à árvores, após uma pequena trilha, onde é possível enxergar a areia muito branca do seu fundo. Além disso, o solo dessa lagoa emite bolhas, formando um buraco, de onde sai água pura a 21ºC, chegando a liberar 70 mil litros por hora. Os turistas podem apreciar o local, e até flutuar pelas águas, porém é proibido pisar no solo e obrigatório fazer esse tour com a companhia de um guia do hotel. Depois da Areia, o passeio ainda consiste na visitação das corredeiras do Rio Tamanduá, pelas suas cachoeiras e piscinas naturais que se formam.

Parque dos Saltos: Uma área abandonada que foi revitalizada em 2008 para preservar a mata ciliar. Por lá podemos apreciar toda a natureza, em meio à trilhas e quedas d’águas do rio Jacaré Pepira. O passeio começa a partir de uma ponte pênsil, e então começa a caminhada. A entrada do parque é gratuita.

Cachoeiras: A maioria das cachoeiras estão em propriedades particulares, porém todas estão aberta à visitação, onde é cobrada uma taxa de entrada por pessoa. Muitas das mais incríveis quedas ficam no bairro Patrimônio de São Sebastião a aproximadamente 23 km do Centro. Algumas das melhores cachoeiras de Brotas são:

  • Cachoeira Cassorova;
  • Cachoeira dos Quatis;
  • Cachoeira Roseira;
  • Cachoeira Santo Antônio;
  • Cachoeira Andorinha;
  • Cachoeira Figueira;
  • Cachoeira Astor;
  • Cachoeira Saltão;
  • Cachoeira 3 quedas;
  • Cachoeira Ferradura;
  • Cachoeira Monjolinho.

Cacheira Cassorova

Outros passeios para fazer:

  • Planetário da Fundação CEU;
  • Represa Patrimônio;
  • Museu do Calhambeque;
  • Poção;
  • Parque Aventurah!;
  • Brotas Parque Jacaré;

Atividades:

  • Bóia-cross;
  • Rafting;
  • Canyoning;
  • Kayak;
  • KR Rafting;
  • Cachoeirismo;
  • Rafting Noturno;
  • Mini Rafting (floating);
  • Trekking;
  • Rapel;
  • Mountain-bike;
  • Cavalgada;
  • Tirolesa;
  • Balonismo;
  • Superbike;
  • Arvorismo;
  • Quadriciclo;
  • Salto queda-livre.

#DicaTPO: Como dissemos, todas essas atividades exigem a companhia de empresas especializadas para serem realizadas. Por isso, entre no site da Eco Ação ou no Território Selvagem Canoar e confira os pacotes e passeios disponíveis.

Quando ir?

Mesmo sendo uma região indicada para ser visitada o ano todo, a melhor época para ir à Brotas é durante o verão, já que as chuvas acontecem com abundância, deixando os rios e cachoeiras com mais volume.

Vale lembrar que em feriados e alta temporada a cidade costuma ficar bem cheia, por isso indicamos que faça reserva de hospedagens e passeios com antecedência. Já na baixa temporada, sugerimos que se informe antes sobre todos os passeios, pois alguns, principalmente os que estão dentro de fazendas particulares, podem não estar disponíveis.

Como chegar em Brotas:

O aeroporto mais próximo de Brotas, é o de Viracopos em Campinas, que está a 140 km de distância. De São Paulo são aproximadamente 250 km, pela Rodovia dos Bandeirantes, BR-364 e BR-369. Há também ônibus, através da empresa Expresso de Prata, que também saem da capital.

Lembrando também que a maneira ideal de circular pela cidade é de carro, porém quem não estiver motorizado ou prefere não colocar o carro nas trilhas, há também o serviço de transportes nas agência locais.

Opções de bares e restaurantes:

Como a cidade oferece muitas atividades pela manhã, os turistas acabam preferindo reservar a noite para algo mais tranquilo. Nossas sugestões são:

Opções de hospedagens em Brotas:

Hotéis fazendas e Eco Resorts:

Pousadas:

Campings:

Mais um lugar incrível para dar uma quebrada na rotina, não é?! Conta pra gente depois como foi essa viagem!

Newsletter Inscreva-se na newsletter e receba gratuitamente todas as novidades do blog!

• Faça um comentário deste assunto •

Posts Relacionados