Pin TPO Planeje uma viagem inesquecível para Havana, em Cuba

7 setembro, 2018
Autor: Redação

Não tem jeito, as Américas tem uma característica muito única e pra lá de caliente, não é?! Principalmente a América do Sul e a América Central. Nos identificamos tanto com as belezas naturais, costumes e clima, que adoramos colocá-las em pautas por aqui. Hoje falaremos sobre um lugar pra lá de exótico e incrível, que é Havana, em Cuba.

Quer planejar uma viagem até lá? Então acompanhe nossas dicas essenciais por aqui!

Localizada no mar do Caribe, na província de Ciudad de La Habana, Havana, é a capital e a maior cidade de Cuba, com aproximadamente 2,4 milhões de habitantes. Muita rica em questões culturais e históricas, Havana é muito conhecida também por seu ecletismo, pois na cidade há uma fusão enorme entre o estilo colonial e a modernidade.

Seus heróis revolucionários, gritos de guerra, ritmos musicais, carros antigos e casas coloniais típicas do país, também fazem seus turistas viajarem no tempo e procurarem por Havana.

Portanto, trouxemos aqui todas as dicas essenciais para você planejar uma viagem até lá.

Principais passeios de Havana: 

Velha Havana: Classificada como Patrimônio Mundial pela Unesco, passear pelas antigas, charmosas e típicas ruas desse bairro antigo, é literalmente uma volta ao tempo. Por lá conseguimos contemplar suas conhecidas praças, fortalezas, igrejas, castelos e apreciar de uma incrível arquitetura. Na cidade velha, não deixe de visitar o Museu da Revolução, o Capitólio, a Catedral e Bodeguita del Medio.

Praça da Revolução: Um daqueles passeios históricos que só engrandecem nossa bagagem cultural. A tão conhecida Plaza da Revolución é envolta por enormes edifícios, e se tornou uma referência muito grande do governo cubano. É nessa praça que está o tão conhecido mural de alívio de Che Guevara, com os dizeres: “Hasta la victoria siempre”.

Edifício Bacardi: Quer admirar uma vista panorâmica da cidade? Então suba no topo do prédio do Edifício Bacardi, e aproveite para tomar um maravilhoso mojito de um bar que lá se encontra. Além de proporcionar uma vista incrível, esse prédio é um monumento histórico, inaugurado no ano de 1930, sendo um grande marco do Art Deco. São 12 andares, de um edifício de mármore e granito já desgastados, para você ver de perto as características antigas do país.

Plaza de las Armas: A praça mais antiga da cidade reúne algumas atrações da cidade. Por lá podemos observar a estátua de Carlos Manuel de Céspedes, – herói nacional responsável pela independência de Cuba em 1868 -, as três telas do artista Jean Baptiste Vermay e a estátua do busto de Cristóvão Colombo, por exemplo. Além disso, em seus arredores está o Palácio dos Capitães – um prédio construído em 1776-, que já foi servido como prisão e prefeitura de Havana, e atualmente serve como o Museu da Cidade, há também o Castillo de la Real Fuerza e o Palácio do Segundo Cabo – o antigo local da Câmara Municipal e posteriormente o prédio dos Correios – que hoje funciona como o Instituto do Livro.

Malecón: Próximo da Velha Havana, a orla com 8 km de extensão já virou cartão-postal da cidade. Por lá encontramos pessoas caminhando, praticando esportes, andando de bike, grupos de músicos e diversos casais, há até uma lenda entre cubanos, que não há quem nunca tenha começado ou terminado uma grande história de amor no Malecón. Sem contar, que o local também é muito procurado para admirar a vista, principalmente no final da tarde, para a observar o pôr do sol.

Passeios ao ar livre em Havana:

  • Parque Simón Bolívar La Habana;
  • Parque Rumiñahui;
  • Parque John Lennon;
  • Parque de Antonio Maceo;
  • Jardín Madre Teresa de Calcuta;
  • Parque Monumento a los Mártires Universitarios;
  • Parque de la Fraternidad Americana;
  • Complejo Turístico Las Terrazas;
  • Jardín Botánico de La Habana;
  • Parque San Juan de Dios;
  • Parque Central.

Jardín Botánico de La Habana

Não deixe de fazer também…

  • Caminhar pelas ruas coloridas do centro;
  • Visite o Museu da Revolução;
  • Conheça o espaço cultural Fábrica de Arte Cubana;
  • Passeie pelo bairro do Vedado;
  • Compre os famosos charutos cubanos na Fábrica de Tabaco Partagás:
  • Se aprofunde mais sobre a história da Revolução com os livros das bancas da Plaza de Armas;
  • Visite a necrópole de Cristóvão Colombo;
  • Vá até Paseo del Prado, uma avenida toda arborizada onde aconteceu um famoso desfile da grife Chanel;
  • Caminhe pelo bairro de Miramar;
  • Experimente um sorvete na Coppelia, a catedral do sorvete socialista;
  • Visite um cabaret para conhecer as músicas e folclores cubanos;
  • Curta as Praias do Leste, em especial a Playa de Santa María;
  • Conheça as lojas e cinemas antigos da avenida de Carlos III;
  • Alugue um dos incríveis carros americanos dos anos 50;
  • Pegue táxis antigos de cores chamativas como, rosa chiclete, maçã verde, azul claro e amarelo creme.

Vida noturna

A música e a dança são dois pontos muito fortes no país, e que felizmente se mantêm muito vivos até hoje.  A salsa e o mambo são exemplos de estilos que podemos desfrutar em Havana. São diversas casas de apresentações, bares e baladas. As nossas sugestões de lugares são:

Quando ir a Havana?

O clima na capital cubana é caracterizado como duas estações do ano bem definidas. O inverno, – que vai de novembro a abril, com um tempo bem seco, menos chances de chuvas e temperaturas amenas, que variam de 23ºC a 27ºC -, e o verão, entre maio e outubro, e é conhecido como uma época bem chuvosa, muita umidade e temperaturas que chegam a 31ºC, além disso, entre agosto a outubro, são os meses com mais riscos de furacões. Portanto, a melhor época para ir a Havana é no inverno.

Como chegar? 

Havana conta com dois aeroportos internacionais, porém o maior e mais importante é o José Matí, que está a 20 km do centro da cidade. Essa é a maneira mais viável de chegar na Ilha, principalmente para quem sai do Brasil. As principais capitais brasileiras oferecem voos diretos ou com conexão no Panamá.

Melhores hospedagens de Havana:

É preciso saber…

  • Para entrar em Cuba não é exigido visto, mas sim um cartão de turista e o comprovante do segura-saúde;
  • Duas moedas circulam na cidade, o peso cubano e o peso conversível, porém a mais exigida para os turistas é a segunda. O peso cubano é cobrado em situações pontuais, como em compras de comida de rua ou lojas mais afastadas do centro, por exemplo;
  • Para cambiar o dinheiro em pesos conversíveis, você tem opções de hotéis, bancos ou em casas de câmbio oficiais. Uma dica é evitar levar o dólar americano para trocar, já que são tributados com 10% de impostos. O euro, libras, francos suíços e dólar canadense não;
  • O país aceita todos os tipos de bandeiras de cartões de crédito, exceto os emitidos ou subsidiados por bancos dos Estados Unidos;
  • As gorjetas para variados serviços são essenciais, mesmo elas não sendo explicitas. Elas costumam ser cobradas entre 10% a 20%;
  • Os museus em Havana não abrem nas segundas-feiras;
  • A maneira mais indicada para os turistas se locomoverem é de táxi, porém, vale lembrar que os preços não são fixos, portanto é melhor negociar a corrida antes;
  • Prefira beber águas que já estão engarrafadas e lacradas, para evitar problemas estomacais, pois em muitos lugares a água de Havana não é própria para consumo;
  • Ligações internacionais são extremamente caras e a conexão com a internet é muito rara e com baixa velocidade. A dica é comprar um chip pré-pago para utilizar o celular;
  • Os Estados Unidos dificulta muito o acesso de itens básicos à Cuba, produtos de higiene pessoal é um exemplo disso. Portanto é muito comum turistas estrangeiros levarem doações como escova de dente, absorvente, papel higiênico e sabonetes para a população. Você também pode fazer parte dessa causa;
  • Cuidado com as pegadinhas para turistas. Se você ver algum morador local começar a fazer qualquer tipo de performance em sua frente, pode ter certeza que uma gorjeta será cobrada.

E aí, vamos até Cuba???

Tags: ,
Newsletter Inscreva-se na newsletter e receba gratuitamente todas as novidades do blog!

• Faça um comentário deste assunto •

Posts Relacionados