Pin TPO Monte o seu roteiro completo para Yokohama no Japão

10 setembro, 2019
Autor: Redação

Yokohama é mais uma opção incrível do Japão, bem pertinho de Tóquio, para você colocar na sua triplist agora mesmo. No post de hoje, contaremos quais são as atrações principais, os melhores restaurantes, diversas opções de hospedagens, museus e muito mais. Fique com a gente e confira!

Localizada na província de Kanagawan, na Grande Tóquio, Yokohama conta com uma área de aproximadamente 435km² e uma população com mais de 3,5 milhões de habitantes, sendo a maior cidade independente do Japão e a segunda maior de todo o país, além de possuir o maior porto com contratação comercial.

Mesmo sendo uma cidade pertencente à Tóquio, Yokohama tem as suas particularidades, podendo com certeza entrar na lista para próximas viagens pela Ásia.  Os restaurantes, museus, passeios, são intermináveis, uma troca de cultura única e muita coisa legal para explorar.

Então pegue agora um papel e uma caneta, e anote as nossas dicas de Yokohama.

Principais atrações Yokohama:

Yokohama do norte – A parte norte da cidade é uma região mais industrial, porém conta com alguns pontos turísticos incríveis como Yokohama Beer Village, Zoológico de Yokohama Zoorasia e Kodomo-no-Kuni (um parque de diversão).

Yokohama do sul – O sul de Yohohama consiste na beira da baía, com atrações mais populares, como Yokohama Hakkeijima Sea Paradise (um incrível parque aquático), Yokohama Bayside de Mitsui Outlet Park e zoológico de Kanazawa.

Minato Mirai 21 – O icônico cartão postal da cidade, além da baía, esse é um local comercial, com muitos escritórios, lugares para fazer compras, entretenimentos e algumas atrações turísticas como a Yokohama Landmark Tower e o Yokohama Red Brick Warehouse.

Chinatown – Essa é uma das maiores “Chinatowns” do mundo, a maior da Ásia e uma das regiões mais procuradas de Yokohama. Aqui podemos desfrutar de muita cultura, gastronomia, antigas arquiteturas e hotéis elegantes.

Estação de Yokohama – Além da moderna estação de metrô, onde diversas linhas se cruzam, nessa região encontramos várias boutiques, lojas de departamentos famosas e hotéis.

Shin-Yokohama – Aqui é uma estação de trem bala que funciona como porta de entrada para a cidade, o local conta com os principais lugares de eventos e esportes, como Yokohama Arena, Nissan Stadium e o Museu Shin Yokohama Raumen.

Templo de Sojiji – O templo com cerca de 500 mil metros quadrados de área, conta com um “Daisodo” – o salão dos fundadores – com um teto de 36 metros de altura e o piso coberto por mil tapetes. Há também um cemitério com sepulturas de pessoas proeminentes. Além de um tour pelos salões e casas principais guiados por um monge budista, por lá são oferecidos diversos cursos e eventos ligados à religião.

Red Brick Warehouse – Edifícios feitos de tijolos construídos em 1911 e 1913, localizados muito perto do local onde os navios negros do comodoro Perry chegaram em 1859. Por lá podemos desfrutar de mundo de lojas de grife e restaurantes elegantes.

Dicas de Yokohama

Passeios ao ar livre em Yokohama:

  • Jardim Sankeien;
  • Cais de Osanbashi;
  • Yamashita Park;
  • Estadio de Yokohama;
  • Rinko Park;
  • Jardins de Satoyama;
  • Negishi Forest Park;
  • Yato Japanese Iris Garden;
  • Minato-no-Mieru Oka Koen – Parque da vista do porto;
  • Parque Zou-no-do;
  • Terraço Zou-no-do;
  • Umi no koen – Parque Marinho;
  • Minato Gardens;
  • Parque Yamashita;
  • Ponte da Baía;
  • Nakaniwa Flower Garden;
  • Osanbashi Pier;
  • Zoorasia;
  • Jacqueline Garden.
Dicas de Yokohama

Jardim Sankeien

Museus em Yokohama:

  • Museu Cupnoodles Yokohama;
  • Museu Ghibli Mitaka;
  • Museu a Céu Aberto de Hakone, Hakone-machi;
  • Museu de Ramen de Shinyokohama;
  • Museu de Arte de Yokohama;
  • Museu de vidro veneziano de Hakone;
  • Museu da Seda de Yokohama;
  • Museu das Crianças Anpanman;
  • Museu de Arte Narukawa;
  • Museu da Guarda Costeira do Japão Yokohama;
  • Museu Ferroviário Modelo HARA;
  • Museu do Porto de Yokohama;
  • Museu de Arte Pola;
  • Museu da Floresta da Música de Kawaguchiko;
  • Centro de Ciências de Yokohama.

Dicas de Yokohama

Restaurantes em Yokohama:

Por ser um das primeiras cidades portuárias a abrir comércio exterior no país, e ser uma das maiores cidades do Japão, Yokohama oferece um pouco de tudo, principalmente quando o assunto é gastronomia. Por aqui você consegue saborear desde tortas de ovo alá Hong Kong como até pato vindo de Pequim, além de culinárias européias e asiáticas no geral. Sem contar nos restaurantes, que vão das feirinhas de ruas até os mais renomados locais, principalmente nas regiões de Chinatown e Baía.

Por aqui separamos uma listinha para você conhecer as mais variadas formas de comer em Yokohama, veja só:

Melhores restaurantes de Yokohama:

Restaurantes em Yokohama que misturam a variedade da culinária local e internacional:

Opções de restaurantes de culinária estrangeira:

Exemplos de comidas de rua em Chinatown:

  • Yaki Shoronpo – bolinhos de sopa fritos;
  • Koshou Mochi – pão Taiwanês de pimenta preta;
  • Pato de Pequim;
  • Annindofu – pudim de leite com semente de damasco;
  • Mensen – sopa de macarrão de ostra de Taiwan;
  • Torta de ovo;
  • Goma Dango – bolinho de gergelim frito;
  • Kuro Goma An Iri Shiratama – bolinhos de arroz com gergelim e xarope de gengibre.

Vida Noturna em Yokohama:

Para os turistas que gostam de passear o dia todo e deixar a noite para uma coisa mais agitada, Yokohama também é o lugar perfeito. Recomendamos tanto os barzinhos no centro da cidade, nos arredores da estação de trem, quanto em Noge, uma região conhecida por seus bares e restaurantes agitados, principalmente nos finais de semana.

Confira algumas opções para você curtir:

Dicas de Yokohama

Como chegar em Yokohama:

Os aeroporto que servem a cidade são os de Tóquio, aeroporto internacional de Haneda que está a 24 km e o aeroporto de Narita, onde chega a maioria dos voos internacionais. A partir de então, a maneira mais rápida e fácil de chegar, é de trem, que saindo do Haneda leva em torno de 30 minutos via trem expresso da linha Keikyu, ou saindo do aeroporto de Narita, via Narita Express, levando em torno de 1h30, custando cerca de 4300 ienes (R$ 165,91 – cotação 04/09/2019).

Porém, se você já estiver em Tóquio, a melhor maneira de ir até Yokohama é através dos trens que ficam no centro da capital, como por exemplo a estação Shin-Yokohama, que é um terminal para o trem-bala shinkansen e o Estádio Internacional de Yokohama.

Como circular por Yokohama:

Por ser uma cidade toda estruturada, a melhor maneira de andar por lá é via transporte público, que diga-se de passagem funciona muito bem. As opções são ônibus, trem e metrô, em ambos os casos, o valor da viagem é cobrado de acordo com a distância percorrida.

Quando ir à Yokohama:

A melhor época para visitar a cidade é entre os meses de abril e novembro, pois as temperaturas tão mais amenas e quentes, perfeitas para passear. O mês de janeiro é o mais frio do ano, já junho e outubro são os mais chuvosos.

Hospedagens em Yokohama:

Hotéis 5 estrelas:

InterContinental Yokohama Pier 8

Hotéis mais acessíveis:

Hotel Edit Yokohama

Hostels em Yokohama:

Hiromas Hostel in Yokohama

Airbnb em Yokohama:

Uma cidade maravilhosa, não é?! E para essa viagem, não deixe também de conferir as nossas dicas de Tóquio por aqui.

Até o próximo destino 😉

Tags:
Newsletter Inscreva-se na newsletter e receba gratuitamente todas as novidades do blog!

• Faça um comentário deste assunto •

Posts Relacionados