TAHITI

22 janeiro, 2014
Bem, vamos lá, Tahiti.
Cheguei, ufa! Um pouco “complicado” precisei dormir um dia em Auckland pra chegar aqui, fuso horário maluco, estou ganhando os dias que perdi saindo do Hawaii no dia 06/01 e chegando em Fiji no dia 08/01, mesmo o voo tendo duração de 9h, vai entender! Rs…

Conforme extremamente recomendado por todos que conversei, aluguei um carro no aeroporto e vim direto pro hotel em Papeete, a capital da Polinésia Francesa.
Preocupada com o caminho solicitei um GPS na locadora e pra minha surpresa não foi necessário, na verdade eles nem tinham, a ilha tem UMA rodovia, isso mesmo UMA, que faz a volta completa.
Primeiras impressões, assim como em Fiji, fui muito bem recebida, os Taitianos são muito simpáticos e solícitos.
Vista aérea da Ilha do Tahiti
Pôr-do-sol no avião, lindo!
 
Cheguei tarde, salvei as energias e no dia seguinte bem cedo sai para explorar (estou adorando essa palavra), reconhecer território.
Mapa na mão, meu carrinho (sim, ele é MINI), câmera carregada, um IPOD recheado (super cia no carro), geralmente canto bastante…rs! E #vamoquevamo.
Fiquei impressionada como a ilha é preparada para receber turistas, wi-fi em quase todas as praias, e uma rota (Le Route du Monoï) traçada no mapa com o descritivo dos principais pontos turísticos, mirantes pra fotografia, monumentos, cachoeiras, trilhas, restaurantes, hotéis e etc, confesso que ficou bem mais fácil.

CURIOSIDADE: O Monoï (ou chamado Óleo de Monoï) é um produto tradicional, obtido através da maceração das flores de Tiaré no óleo de coco. As flores de Tiaré são essas da imagem abaixo, elas estão por todos os lugares, é lindo, daí vem o nome da rota.

 
Flores de Tiaré
 
Completei a volta logo no primeiro dia, aproximadamente 4h de carro, fui parando nas principais praias, visitei o Jardim de Vaipahi, o Jardim Botânico, algumas igrejas, e quando bateu a fome, parei no Beach Burger em Papara para almo/jantar, comi um peixe maravilhoso, não fotografei pois era domingo e tinham muitos locais almoçando em família, relaxando, achei um pouco nonsense.
Algumas fotos do primeiro dia, um videozinho de uma das praias, areia super escura e quente.
 
Jardim de Vapahi
Jardim de Vapahi
Plage de Papehue
 
Amanhã eu volto pra contar da minha experiência “oui madame” no Le Meridien e da sessão de fotos em Teahupoo.
Saudades!

Beijos, Li.

Newsletter Inscreva-se na newsletter e receba gratuitamente todas as novidades do blog!

• Comentário no Blog deste assunto é aqui •

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

• Faça um Comentário no Facebook deste assunto •

Posts Relacionados